fbpx

SOBRE O CÂNHAMO​

Plantar Cânhamo
para a Indústria de Construção

Usado em inúmeras indústrias – incluindo construção sustentável, comida, têxteis e cosméticos – o cânhamo é um produto cada vez mais procurado.

A Planta de Cânhamo

Uma variedade de cannabis que contém pequenas quantidades de tetrahidrocanabinol (THC), o cânhamo, é especificamente cultivado pelos seus inúmeros fins comerciais.

O cultivo do cânhamo não é de forma alguma um conceito novo; tem sido cultivado durante séculos com as impressionantes 25 000 aplicações historicamente documentadas. Contudo, com a crescente consciência das suas valiosas propriedades, assistimos ao seu renascimento como matéria-prima em aplicações industriais.

No sentido de responder à procura, os agricultores têm sido encorajados a introduzir este cultivo nas suas plantações, o que significa que se tornou uma preocupação atual – tanto na perspetiva prática como económica.

Seja como um cultivo alternativo ou associado a outros já existentes, o cânhamo é extremamente amigo do ambiente.

  • Cresce rapidamente e está pronto a colher entre 3 a 4 meses. A sua biomassa, que inclui sementes, folhas e talos, são abundantes e podem ser utilizados em muitas aplicações. 
  • É um repelente natural e por isso não necessita da intervenção de pesticidas, fertilizantes e herbicidas, precisando de muito menos água – entre 10% a 50% da necessidade de outras plantações. 
  • Descontamina e reabastece o solo por fitorremediação, filtrando os materiais tóxicos, como um dos métodos menos invasivos, não danifica o meio ambiente no processo. Também ajuda na diminuição de ervas daninhas sem uso de produtos químicos.

Sequestro de Carbono

Provavelmente o aspeto mais importante da planta é a sua alta eficiência no sequestro de carbono (processo natural de absorção de CO2 da atmosfera e fixação nas suas raízes e talos). 

Um hectare captura a mesma quantidade de carbono que uma jovem floresta, precisando apenas de alguns meses para crescer, ao contrário de algumas décadas. O cultivo é também carbono negativo, sendo que o carbono emitido no seu cultivo e colheita é menor do que absorve durante o seu crescimento.

Como Cultivar o Cânhamo para a Indústria de Construção

Uma das mais entusiasmantes aplicações deste cultivo é na indústria de construção, com produtos como os blocos de cânhamo para construção. O cânhamo produzido comercialmente, especificamente para a indústria de construção, privilegia os caules longos e densos de onde deriva a “apara” (parte interna do caule) ao contrário dos campos com plantas mais arbustivas e menos densos cultivados para aproveitar as sementes e flores da planta. 

Para extrair a apara eficazmente, a colheita ocorre antes de a planta florir, colhida antes de atingir a fase em que consome mais nutrientes do solo.

As suas propriedades de força, flexibilidade, respirabilidade e resistência ao fogo, significa que enquanto material alternativo de construção tem imensas vantagens relativamente a isolamento térmico e absorção sonora. Além disso, a planta enriquece os solos onde é cultivada, tornando-a a opção ideal para agricultores preocupados com a regeneração das suas terras.

Colheita e Processamento

A colheita do cânhamo não difere de outros grãos e não requer nenhum equipamento especializado – embora modificações possam ser necessárias para garantir que as máquinas não ficam entupidas pelos caules fortes e espessos das plantas. Muitos agricultores optam por este cultivo por mais do que uma razão. O caule será colhido para obter a fibra e as “aparas” ao passo que o topo da planta para obter as flores e sementes. Para ambos os casos foram desenvolvidas máquinas especiais para fazer este corte duplo.

Para agricultores que não querem, ou não estão em condições de investir nesta máquina (que pode ser dispendiosa), existe a opção de parceria com empresas que se dedicam ao processo produtivo. 

Cada vez mais países na Europa atribuem fundos da UE especialmente destinados a produtores de cânhamo devido ao seu impacto ambiental altamente positivo e eficiente resgate de carbono.

O uso e cultivo de cânhamo está planeado para ter um papel importante e de relevo no “Pacto Ecológico Europeu” .

Em 2024, Cânhamor irá instalar a primeira unidade industrial de transformação e processamento de cânhamo da Península Ibérica, com a finalidade de produzir blocos de cânhamo naturais utilizados na construção sustentável.

Este é um avanço gigante e muito entusiasmante para a indústria do cânhamo em Portugal, é um incentivo, há muito esperado, para os agricultores que considerem o cultivo em larga escala.

Melhores Condições para o Cultivo de Cânhamo

As condições ideais são um clima temperado e solo bem drenado. Pode prosperar em vários locais, à exceção de calor extremo e seco e grandes altitudes. Devido à sua latitude de 36° e 44° Norte, a Península Ibérica, com o seu clima ameno e longas horas de luz do dia, oferece condições perfeitas para o cultivo de cânhamo. As plantas jovens precisam de ser regadas nas primeiras seis semanas para garantir que o solo ao seu redor não seque, além disso, são bastante resistentes em condições de seca.

Os Desafios

Apesar dos benefícios deste cultivo serem imensos, também é importante estar consciente dos seus desafios. Mesmo contando com as suas inúmeras vantagens ecológicas e a rápida renovação da cultura, não é fácil conseguir retorno económico na produção em pequena escala. Os agricultores terão que se comprometer com a plantação na ordem dos 10 hectares para responder ao mercado industrial.

As sementes adequadas necessitam ser certificadas com baixo teor de THC, por isso não é fácil obter pequena quantidades. É também importante garantir que a cultura tem a devida licença e que todos os documentos especiais estejam em vigor.

É Adequado para Agricultura Orgânica?

Sim! Não necessita de herbicidas tóxicos, pesticidas ou fertilizantes.

É Rentável Cultivar Cânhamo?

À medida que a procura por cânhamo industrial de qualidade aumenta, está a tornar-se cada vez mais uma alternativa viável para os agricultores que desejam introduzir uma plantação de alto rendimento, ecológica e rústica. Para quem procura opções de construção sustentável, os blocos de cânhamo oferecem uma alternativa empolgante;

Blocos de cânhamo são amigos do ambiente, económicos e 100% neutros em emissões de carbono, criando uma habitação verde de que nos devemos orgulhar.

Se tem interesse em aprender mais sobre o potencial no cultivo do cânhamo e se quer aprender mais acerca deste material natural de construção, entre em contacto connosco.

Contacte a nossa equipa
para viabilidade e orçamentos.